Capa / Diário de Bordo / Descobrindo El Salvador

Descobrindo El Salvador

390147_322671547751679_100000265087433_1194506_1387378686_nMuita gente me perguntou por quê eu tinha escolhido El Salvador como destino turístico: “o que tem lá de interessante para visitar?” ou “não sabemos quase nada dessa região”. Confesso que alguns me chamaram de maluca, pois iria embarcar rumo ao desconhecido.

E sim, essa foi uma das minhas grandes razões: o desconhecido.

É muito fácil fazer as malas para um lugar que já estamos familiarizados, que fazem parte dos top 10, que vemos diariamente na televisão, revistas,… Quase não há surpresa, pois já sabemos boa parte do que nos aguarda. Mas eu queria a surpresa, o inesperado.

É um tiro no escuro, mas eu queria arriscar esse tiro. E tenho que dizer a vocês: foi um tiro certeiro.

El Salvador é um  país com pouco mais de 20.000 km², ou seja, ele é menor do que Sergipe que, para quem não sabe, é o menor estado brasileiro. No entanto, esta pequena faixa de terra possui uma imensa riqueza de paisagens: tem mar, florestas muito bem preservadas, lagos, rios, cachoeiras, vulcões, cidades coloniais, ruinas maias,… A lista é grande. Sem contar o povo, que é muito hospitaleiro.

Não há voos diretos do Brasil. Saí do Rio de Janeiro num voo às 7 da manhã até Lima, onde então, peguei uma conexão para San Salvador, a capital do país. No total foram 10 horas de viagem.

Como meu voo chegou durante o dia, já pude avistar parte da cadeia vulcânica que se estende pelo país. Havia em mim um misto de excitação e receio. Ao desembarcar os estrangeiros tem que seguir por uma fila separada para o serviço de imigração, como é normal. Para brasileiros é preciso pagar uma taxa de US$10 para entrar no país – é uma espécie de visto.

381486_322045237814310_100000265087433_1192711_1288692773_n397810_322675977751236_100000265087433_1194563_737563646_n

O aeroporto internacional do país fica numa área isolada, distante quase 1 hora de carro da capital. Recomendo pegar um táxi oficial ou já sair do Brasil com um serviço de transfer contratado, que tem preços razoáveis e são mais confortáveis e confiáveis.

402499_322044524481048_100000265087433_1192701_1743870937_n391096_323309711021196_100000265087433_1196881_1852863553_n

No caminho até a cidade passamos por várias barraquinhas de beira de estrada que vendiam a comida mais típica do país: as pupusas. Mas sobre elas vou falar melhor num outro post.

Por recomendação de um amigo, escolhi um hotel na chamada Zona Rosa de San Salvador, perto do World Trade Center (sim, eles têm um por lá), uma das áreas nobres da cidade. Lá encontram-se boa parte dos melhores restaurantes (o país tem uma cena gastronômica importante), redes hoteleiras, bares, enfim, é possivelmente a melhor parte da cidade para um turista se hospedar.

Uma coisa que me assustou bastante num primeiro momento, foi perceber a existência de seguranças armados em quase todos os lugares: esquinas das ruas, entrada de restaurantes, lojas,… Mas depois relaxei, pois apesar do primeiro contato ser amedrontador, logo percebi que em sua maioria eles são muito simpáticos e 378873_323312004354300_100000265087433_1196908_944411867_nsão, quem no final das contas, promovem a segurança de todos nós, já que o país ainda recebe o título de um dos mais perigosos do mundo. Mas preciso confessar aqui que não percebi nada que desse margem a essa fama, ou pelo menos, não há nada por lá que seja muito diferente de grandes cidades brasileiras como Rio e São Paulo. Para falar a verdade, me senti mais segura lá do que me sinto aqui.

Tirando a capital, que tem todos os defeitos e qualidades de uma grande cidade, o restante do país é formado por pequenas cidades, todas acolhedoras e tranquilas: típicas cidades de interior.

Fiquei no país quase uma semana e minhas visitas incluíram a praia La Liberdad, Lago Coatepeque, Complejo Los Volcanes, ruinas maias (Joya de Céren, San Andres e Tazumal), Suchicoto (cidade colonial), cachoeiras (em especial Los Chorros de las Caleras), fiz a Ruta de las Flores (visita a pequenos povoados nas montanhas) e a capital San Salvador, claro. Visitei muita coisa, mas ainda há muito o que ver, o que para mim é ótimo, pois terei um bom motivo para voltar em breve.

E para os que como eu, gostam de aventura, história e natureza, El Salvador é um destino que deve ser colocado na lista de países a visitar. Embarquem rumo ao “desconhecido” e preparem-se para se apaixonar.

Na sequência, aguardem a série de posts sobre cada um desses lugares que visitei.

Boa viagem!

388635_326858587332975_100000265087433_1212207_1283771047_n403857_322674211084746_100000265087433_1194540_1343830688_n405992_322043394481161_100000265087433_1192687_1501460105_n

Siga o Turista Profissional também nas redes sociais:

Procurando por hotel?! Então, pesquise no Booking.com! Você não paga pela reserva, cancela quando quiser e consegue os melhores preços.

Sobre Ana Catarina Portugal

Ana Catarina Portugal é a criadora e editora-chefe do blog Turista Profissional, relatando as dicas e experiências que teve nos mais de 40 países por onde já passou. Também escreve sobre viagens para revistas especializadas, é professora de artes, filósofa formada e mestre em História da Arte.

14 comentários

  1. ADOREIIIIIIIIII!!!!
    Ja estou ancioso aguardando os proximos posts mais detalhados dos lugares q passou.
    Mto bom. Parabens! :D

  2. Olá!

    Seu post foi selecionado para a #Viajosfera, do Viaje na Viagem. Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Bóia

  3. Parabéns Ana pelo testemunho, muito informativo. Veio muito a calhar, pois estou organizando uma ida à Guatemala e queria aproveitar para conhecer o sítio arqueológico de Copán.
    Se fosse possível, gostaria que você me informasse como chegar a esse lugar, qual é a cidade mais próxima do sítio e se há avião desde Tegucigalpa ou Cidade da Guatemala.
    Desde já agradeço a atenção dispensada.
    Um grande abraço e um bom caranaval.
    Jefferson

  4. Adorei a resenha sobre o país. E pelas fotos a gente vê que vocês tiveram sorte. Dias de sol. Aliás, você chegou a conferir o artesanato local? Eu gosto muito de certos artistas dessa parte do mundo. Um beijo, amiga. Bom carnaval. Pulando ou descansando.

  5. Ana Catarina,
    Excelente! Vou aguardar novos post!

  6. Oi Ana,
    Eu também me amarro em roteiros assim, tô de olho na Guatemala também :)
    Muito ansiosa, aguardando novos posts :) Beijos e bom carmaval

  7. Muito obrigado por visitar meu país, e escrever a respeito!
    Volte sempre que quiser!

  8. Muito legal o post! A cia. aérea ou a imigração solicitou o certificado de vacina contra febre amarela?

  9. Estou em El Salvador agora de 19/07 a 08/08. Sou de João Pessoa-PB tenho família aqui. Realmente eu também me assustei quando fui ao Restaurante La Pampa e no estacionamento rstava o segurança com uma espingarda 12.

  10. Talita Tavares

    Olá gostei do depoimento e deste site sou consultora de viagens, estas informações me ajudarão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>